A importância da prática de atividades físicas

sedentarismo

A importância da prática de atividades físicas

Conheça também os prejuízos causados pelo sedentarismo

A vida agitada da atualidade, que para muitas pessoas é dividida entre diversas tarefas, como trabalho, estudos e cuidados com a casa e a família, faz com que nem sempre seja possível reservar um determinado tempo para a prática de uma atividade física. Porém, a médio e a longo prazo, essa rotina sem exercícios, ou seja, o sedentarismo, pode trazer diversos danos a saúde dos indivíduos.

 

Benefícios das atividades físicas

 

Maior disposição – Quem tem uma agenda cheia e uma rotina muito cansativa costuma pensar que, além de precisar despender de mais tempo para realizar os exercícios,  terá que ter ainda mais disposição para cumprir esse desafio. Porém, o que pode acontecer é exatamente o contrário, já que é comprovado que a prática de atividades físicas aumenta a disposição para o restante dos compromissos diários.

 

Prevenção de doenças – Em muitos casos, doenças como colesterol alto (dislipidemia) ou diabetes podem estar diretamente relacionadas a obesidade. Por outro lado, pessoas magras não estão imunes a essas patologias. Em todas as situações, a prática de exercícios pode, ao queimar gorduras, contribuir para uma saúde mais estável, além de também prevenir contra problemas respiratórios ou de outras origens.

 

Condicionamento físico – A prática de um esporte ou de atividades físicas não são coisas reservadas apenas aos atletas de alto rendimento. Para quem não pretende adquirir músculos, ou ter um corpo definido, os exercícios – quando feitos em períodos regulares – podem ser úteis para dar mais condicionamento ao corpo, fazendo com que ele resista com mais facilidade a rotina diária.

 

Melhora no humor – Quando uma pessoa realiza um exercício físico, acontece a liberação de substâncias neurotransmissoras, como a dopamina e a serotonina, que são responsáveis pela sensação de prazer e felicidade. Dessa forma, é possível combater doenças como a ansiedade e a depressão por meio de uma melhora significativa no humor do indivíduo.

 

Malefícios do sedentarismo

 

O sedentarismo ocorre quando uma pessoa não pratica nenhum tipo de atividade física, o que acaba causando diversos problemas, como o acúmulo de gordura na barriga, além do aumento do colesterol e do risco de diabetes do tipo 2. Mesmo que o indivíduo em questão caminhe diariamente para chegar em determinado lugar, ou realize algum exercício por conta de sua atividade profissional, ele ainda é considerado sedentário, já que não possui o hábito de se dedicar a algum esporte específico.

 

Por conta da inatividade física, o sedentário pode sentir, regularmente, falta de força em seus músculos, já que não os exercita com frequência. Além disso, com o possível acúmulo de peso, a pessoa pode sofrer com dores constantes em suas articulações. Outro risco comum para as pessoas que não praticam nenhum exercício físico é a ocorrência de doenças cardiovasculares, como infarto ou AVC.

 

Por onde começar?

 

É recomendado que, para deixar o sedentarismo, a pessoa comece com a prática de alguma atividade mais leve com frequência indicada de três vezes por semana. Além disso, é importante procurar um médico, que será responsável por sugerir práticas saudáveis, junto a uma alimentação mais adequada, além de sinalizar possíveis limitações físicas do paciente sedentário.