Sempre é bom lembrar Margaret Thatcher

Sempre é bom lembrar Margaret Thatcher: “Não existe essa coisa de dinheiro público, existe dinheiro do pagador de impostos”

Os impostos estão embutidos em todos os produtos que compramos, estão nos salários, no próprio imposto de renda, nas diversas taxas existentes.

É com o dinheiro desses impostos que ocorre o pagamento dos servidores públicos, o pagamento de todas as finanças públicas, o pagamento da bolsa família, o pagamento de muitos benefícios.

Não estou dizendo aqui que sou contra benefícios e impostos, até porque são essenciais para um funcionamento da civilização razoável. Mas em excesso prejudica todo empreendedorismo de micro e pequenas empresas.

Mas sempre é bom lembrar que dinheiro público não é dinheiro do Estado. Dinheiro público não vem do nada. Dinheiro público vem do seu bolso, do meu bolso, do bolso do seu amigo.

Para qualquer serviço público oferecido pelo Estado, pela prefeitura ao cidadão, terá que ser retirado de algum lugar! E esse lugar normalmente é o seu bolso, só que na forma de impostos, as vezes visíveis ou as vezes invisíveis.

Se o arroz tá aumentando de preço, verifique o tanto de imposto que está nele. Se a gasolina está aumentando de preço, verifique o tanto de imposto nela.

Exija do serviços públicos a mesma qualidade que você desejaria se fosse privado, pois o serviço público é você quem paga através dos seus impostos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *