Solidão no casamento: como evitar?

A solidão no casamento é uma situação que afeta muitos casais. Isso acontece quando o casal se distancia ao ponto de se sentirem sozinhos, mesmo quando estão em companhia um do outro.

Os motivos para que isso aconteça são muitos, desde falta de compreensão até traumas de relacionamentos anteriores. Entretanto, sempre existe uma solução se ainda há sentimento.

Primeiramente, é importante que o casal esteja disposto a dialogar. Assim, é possível mapear os problemas e criar estratégias para encontrar a saída.

Neste artigo, vamos abordar alguns dos principais motivos que causam a solidão no casamento e como evitar que a situação culmine num distanciamento definitivo.

Principais motivos

É perceptível que o relacionamento não vai bem quando alguns sintomas se apresentam. Discussões rotineiras, monotonia no dia a dia, conversas evasivas, mal humor constante. Esses são alguns sinais que apontam para a insatisfação no relacionamento.

Certamente, isso não significa que o amor acabou. O casal precisa cultivar a sua individualidade e respeitar a individualidade do outro a fim de que possam aproveitar o momento que tiverem juntos.

Ou seja, é preciso um pouco de espaço na relação para desenvolver o autoconhecimento e avaliar se o que incomoda sobre o outro na verdade não diz mais sobre si mesmo.

Falta de intimidade

Alguns casais não conseguem estabelecer vínculos fortes de intimidade. Isso porque a correria da rotina pode trazer a sensação de cansaço constante e, consequentemente, o sentimento de desinteresse.

O casal esquece de contar como foi seu dia na hora de jantar, os sentimentos e pensamentos de cada um. Infelizmente se concentra muito no celular e até deixam de passar momentos juntos, por desencontro de horários.

Criar intimidade requer algum esforço, de ambas as partes. Portanto, para evitar que o seu relacionamento entre nessa cilada, valorize os pequenos momentos que tiverem juntos.

Evite o uso excessivo de celular quando estiverem a dois, ouça o que o outro tem a dizer e, principalmente, se expresse da maneira que você é. De certo que foi por essa pessoa que seu parceiro ou parceira se apaixonou.

Esquecimento de datas especiais

O esquecimento de datas especiais como aniversário de casamento, por exemplo, é um dos principais motivos de DR (Discussão de Relação) entre os casais.

Comemorar ciclos é um hábito social que tem maior relevância para uns e menor importância para outros. 

Embora essas datas especiais tenham pesos diferentes para cada indivíduo, não custa nada anotar na agenda do celular (com alarme) para preparar um presente (muitas pessoas valorizam a lembrança e o gesto, do que o próprio presente em si). Assim como, vale a pena lembrar dois dias antes que a data se aproxima, caso a outra pessoa não esteja planejando algo. 

Sair da defensiva é uma boa estratégia para evitar que o esquecimento de datas especiais seja um problema na relação. Sendo assim, é possível colaborar com o outro para que ele não cometa um erro ou não se aborreça em demasia com um momento que deve ter um significado bonito para o casal.

Críticas excessivas ao outro

Alguns casais chegam a um determinado nível de estresse dentro da relação que começam a apontar os erros do outro nas situações mais esdrúxulas. Se estacionou mal o carro, há uma crítica. Não comprou algum item no supermercado? Mais uma crítica. Se não fez o almoço, outra crítica.

Só pra exemplificar, essas pequenas situações do dia a dia podem ser contornadas com leveza. Às vezes, sinalizar uma falha de uma forma menos agressiva pode ser mais eficaz.

Por isso, existem diversos livros e textos sobre comunicação não violenta que ajudam pessoas que sentem solidão no casamento. Alguns fazem uso de técnicas de conversação que removem as emoções negativas da conversa e geram bons resultados.

Se você se identificou com alguma das situações acima e ainda estiver se perguntando o que pode fazer para tirar seu casamento da solidão, essas dicas podem ser valiosas.

Dicas para fugir da solidão no casamento

  • Primeiramente, pratique o autoconhecimento. Busque entender suas principais dores, pois elas podem influenciar na sua relação.
  • Faça terapia, por que não? A terapia ajuda muitas pessoas que precisam dialogar sobre suas questões para propor soluções para as questões que surgem no casamento. Se for necessário, faça uma terapia de casal. Ah! Cuidado, muitas vezes amigos e parentes são parciais, se você precisar conversar com um deles.
  • Respeite a individualidade. Estar sozinho não significa, necessariamente, ser solitário. De modo que os momentos de individualidade podem significar independência emocional e maturidade.
  • Respeito acima de tudo. Esta é uma dica muito importante, pois sem respeito não há admiração. O respeito deve ser praticado na hora de criticar, de acolher uma crítica e também quando houver uma discussão.

Relacionamentos duradouros costumam ter o respeito mútuo como pilar e, por isso, dificilmente caem na solidão.

O casamento é uma oportunidade de caminhar lado a lado com uma pessoa que você escolheu. Portanto, é imprescindível que essa caminhada seja leve, prazerosa e segura para ambos.

Toda semana faço lives no youtube sobre relacionamentos amorosos e casamento. Nestas lives falo sobre diversos temas do dia a dia de um casamento.

No vídeo abaixo, por exemplo, eu falo sobre 4 grandes problemas que prejudicam o bem estar de um casamento:

Share the Post:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Related Posts